24 de set de 2010

Natureza

Não amar, era a natureza errando.

Nenhum comentário:

Postar um comentário