30 de jan de 2011

Ser anjo

A verdade é que ser anjo estava começando a me pesar. Conheço bem esse processo do mundo: chamam-me de bondosa, e pelo menos durante algum tempo fico atrapalhada para ser ruim. 
Clarice Lispector em "Mal-estar de um anjo", no livro "Para Não Esquecer", Rocco, p. 35

Um comentário:

  1. Ser boazinha demais tem um peso muito grande.Mas bom mesmo é ser o que realmente desejamos ser.Eu por exemplo desjo ser boa,sempre!

    ResponderExcluir