13 de mar de 2010

Claridade bruta

"E uma claridade bruta cegou-o como se ele tivesse recebido na cara uma onda salgada de mar"

Nenhum comentário:

Postar um comentário